Bem-vindo ao STIPDAENIT   •   Fundado em 1985   •  
 
 
 
 

Notícias

OCUPA BRASÍLIA REÚNE 150 MIL TRABALHADORES EM FRENTE AO CONGRESSO NACIONAL

25/05/2017

Centrais sindicais e sindicatos de todo o Brasil se reuniram no dia 24 de maio em Brasília, em uma grande mobilização nacional que levou mais de 150 mil trabalhadores de todas as cidades do país à capital federal. O ato começou com uma caminhada da concentração na Torre de TV e estádio Mané Garrincha até o Congresso Nacional, em uma caminhada de aproximadamente 4 km, aos gritos de "Fora, Temer", por eleições diretas para a Presidência da República e pelo fim imediato das reformas trabalhista e da Previdência. 

Veja fotos do ato em nossa página no Facebook

A manifestação transcorria de forma pacífica até a chegada ao cordão de isolamento formado pela polícia militar em frente ao Congresso Nacional. Dessa forma, as atividades dos parlamentares, eleitos para representarem os interesses do povo, poderiam continuar sem interferência da população revoltada. Apenas alguns deputados e senadores da oposição e contrários às reformas discursaram do alto dos carros de som. O isolamento do Congresso fermentou a revolta na população e os confrontos com a polícia foram iniciados por manifestantes black block, que tiveram a adesão de outros manifestantes. A polícia reagiu com bombas de efeito moral, balas de borracha e cavalaria. O saldo do confronto, que demonstra a total falta de convergência entre a sociedade e o governo Temer (cujos índices de popularidade são inferiores a 5%), foi a depredação de ministérios, 49 feridos e o uso de armas letais por dois policiais militares.

Acuado, Temer convocou as forças armadas para fazerem o papel da polícia até o dia 31 de maio, mas recuou da medida após a repercussão extremamente negativa na sociedade, inclusive críticas do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio de Mello e até de congressistas da base governista.

O ato foi encerrado após confronto com a polícia militar, mas o recado foi dado: o povo trabalhador está unido contra o governo de Temer e as reformas! Não vamos descansar até a renúncia de Michel Temer e a paralisação imediata das reformas trabalhista e da Previdência!

 

•  Veja outras notícias
 
 
Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Niterói
Rua São João, 392 - Centro - CEP 24020-040 - Niterói / RJ
Fone : (21) 2719-6240   /   E-mail: contato@stipdaenit.org.br