Bem-vindo ao STIPDAENIT   •   Fundado em 1985   •  
 
 
 
 

Notícias

SINDICATOS UNIFICAM ATOS CONTRA MEDIDAS DE AUSTERIDADE E PRIVATIZAÇÃO DA CEDAE

22/11/2016

Nesta terça-feira 22 os sindicatos representantes da CEDAE unificaram o ato contra a privatização da empresa com a manifestação organizada pelo MUSPE (Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Estado) em frente à Alerj para protestar contra a votação das propostas de austeridade do governador Pezão. O Palácio Tiradentes estava completamente cercado por grades e policiais militares, reforçados pela Força Nacional de Segurança, mas os trabalhadores não se intimidaram e lotaram a entrada da Alerj em defesa dos seus direitos. A Alerj rejeitou a extinção de quatro órgãos e liberou para votação quatro projetos: o que aumenta o ICMS incidente no consumo de energia elétrica, o que cria um modelo de intimação eletrônica para cobranças da Secretaria de Fazenda, o que adia para 2020 o aumento aprovado em 2014 dos servidores que entraria em vigor em 2017 e o que extingue os programas Renda Melhor e Renda Melhor Jovem.

Veja fotos do ato em nossa página no Facebook

O STIPDAENIT é integrante do MUSPE e esteve presente junto com os demais sindicatos e entidades representantes dos funcionários da CEDAE (STAECNON, SINTSAMA, SENGE-RJ e ASEAC). “A gente tem que valorizar o companheiro Ary Girota, pois ele está envolvido com o MUSPE há bastante tempo. Nós tivemos a oportunidade de entregar aproximadamente 20 mil assinaturas conseguidas pelas entidades representantes dos trabalhadores da CEDAE de um abaixo-assinado contra a privatização da empresa. Quero também destacar a participação do presidente do STAECNON João Marcos, que viajou uns 300 quilômetros para estar aqui”, disse o presidente do STIPDAENIT Sérgio Araújo. O SINTSAMA, entregou um documento a Picciani pedindo uma reunião com os presidentes dos sindicatos para colocarmos em votação a PEC 37/16 (que pretende tornar proibida qualquer tentativa de privatização da CEDAE).

“Hoje limitaram o número de trabalhadores de assistirem às votações do pacote de maldades. Foi autorizada a entrada de apenas 2 representantes por entidade sindical e queriam só indicar assessores de parlamentares” reclamou Sérgio Araújo. Ele representou o STIPDAENIT nas galerias do plenário com o diretor de políticas sociais Marco Chabudé.

Sérgio Araújo valorizou a luta dos trabalhadores que lutam contra a privatização da CEDAE e o pacote de maldades de Pezão e para não permitir que o Rio de Janeiro sofra o mesmo que outros estados em crise, como o Rio Grande do Sul, que há nove meses parcela o salário de seus servidores. “A direção da CEDAE, seja a direção, seja o trabalhador, tem que estar muito consciente. A gente tem que botar consciência, saber brigar por nossos empregos e na hora que a CEDAE ia ser privatizada comprou essa briga. Temos que continuar brigando”. 

•  Veja outras notícias
 
 
Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Niterói
Rua São João, 392 - Centro - CEP 24020-040 - Niterói / RJ
Fone : (21) 2719-6240   /   E-mail: contato@stipdaenit.org.br