Bem-vindo ao STIPDAENIT   •   Fundado em 1985   •  
 
 
 
 

Notícias

SINDICATOS RECEBEM CONTRAPROPOSTA DE ACT DA CEDAE E CRITICAM FALTA DE PROPOSTA DE PR

01/06/2016

A CEDAE entregou aos sindicatos a contraproposta de acordo coletivo de trabalho (ACT) sem as cláusulas econômicas (estas serão discutidas posteriormente), na reunião de negociação realizada nesta quarta-feira, dia 1º, na UniverCEDAE. No entanto, mais uma vez, a empresa não apresentou qualquer proposta referente a valores e data de pagamento da Participação nos Resultados (PR), o que enfureceu os sindicatos.

Representando a CEDAE, o coordenador de RH Marcus Vinícius e o diretor de Rh Marcus Roger começaram a reunião justificando a falta de proposta em relação à PR. “Existe uma discussão interna na companhia entre negociar a PR fora do acordo ou dentro do acordo coletivo. Quando for resolvida essa questão, aí poderemos falar de valores”, disse Roger.

Os sindicatos imediatamente reclamaram e falaram em quebra de confiança e falta de respeito. Em novembro, as entidades apresentaram no Comitê Paritário de RH uma proposta de pagamento linear, com base em duas folhas salariais, mas a empresa ainda não deu qualquer resposta. “De 1988 a 2014 ficamos lutando para incluir a PR no acordo. E conseguimos. Agora, temos que resolver o pagamento e os mecanismos de garantia”, disse João Xavier, diretor do SINTSAMA. “Já demos todos os prazos para a CEDAE”, acrescentou Paulinho da Rocinha, também do SINTSAMA.  

O presidente do STIPDAENIT, Sérgio Araújo, considerou a falta de proposta um desgaste desnecessário por parte da empresa. “Se (a empresa) já tem os balanços, se já sabemos que será linear, precisamos das datas e valores. Vamos ter que entrar em um desgaste em um momento político ruim para a CEDAE, com as ameaças de privatização, uma questão muito maior e mais urgente”. Dantas, diretor do SINTSAMA, fez coro com Sérgio Araújo. “Estou decepcionado com essa conduta da empresa. Está forçando a barra para os sindicatos colocarem o bloco na rua em um momento em que precisamos nos mobilizar para combater a privatização”.

Como os sindicatos defendem a discussão da PR fora do acordo coletivo, o presidente do STAECNON Helinho sugeriu a convocação de uma assembléia unificada para decidir exclusivamente sobre a PR, proposta que foi aceita pelos demais representantes sindicais. “A gente já fechou muito acordo coletivo com o setor de RH, mas também já fechamos com o Palácio Guanabara (sede do governo do Estado)”, acrescentou.

Defendendo a discussão da PR fora do acordo coletivo, Francisco Carlos, diretor de imprensa do STIPDAENIT, disse que uma reunião dos presidentes dos sindicatos diretamente com Briard, para tratar exclusivamente da PR, poderia agilizar o processo. “A empresa já sabe qual o valor que será distribuído. Se o Briard misturar a PR com o acordo, vai ficar ruim e atrapalhar em outras questões que estamos enfrentando, como as ameaças de privatização e é importante que a gente feche logo o acordo, pois há essas demandas externas”, enfatizou. Ary Girota, um dos representantes do STIPDAENIT na reunião, perguntou se Roger já havia apresentado a proposta de PR dos sindicatos ao presidente Briard. “Precisamos de uma posição concreta da empresa. Ela está se negando a negociar”.

Após ouvir todas as críticas e perguntas dos sindicatos, Roger disse que ainda não havia apresentado valores porque ainda não foi decidido pela direção da empresa o momento de discussão da PR. “Não é o momento ainda de discutir nem o quanto nem o quando. Se eu colocar a proposta agora, ela vai se perder diante da discussão do acordo”, justificou. Após a solicitação de reunião dos sindicatos com Briard, Marcus Vinícius telefonou para o presidente, que disse que iria criar uma agenda para receber os presidentes dos sindicatos amanhã, dia 2, possivelmente na parte da tarde.

Após as discussões sobre a PR, os sindicatos receberam a contraproposta de acordo coletivo da empresa. “O ACT da CEDAE é bastante abrangente. Basicamente vamos manter o acordo”, disse Roger. Os sindicatos irão analisar a proposta e discutir em nova reunião, provavelmente, na próxima semana.

Representaram o STIPDAENIT na reunião o presidente Sérgio Araújo, o diretor de imprensa e comunicação Francisco Carlos, o diretor de esportes Mário Jorge, o tesoureiro João Carlos Rangel e o delegado sindical Ary Girota.

•  Veja outras notícias
 
 
Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Niterói
Rua São João, 392 - Centro - CEP 24020-040 - Niterói / RJ
Fone : (21) 2719-6240   /   E-mail: contato@stipdaenit.org.br