Bem-vindo ao STIPDAENIT   •   Fundado em 1985   •  
 
 
 
 

Notícias

TRABALHADORES DE IMUNANA COMPROMETIDOS COM O DEVER

08/04/2015

Muitos moradores de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí não sabem que a água que utilizam no dia a dia vem do Canal de Imunana. Para chegar às residências, é captada antes de ser tratada na estação de Laranjal e distribuída pela CEDAE e as concessionárias privadas. Dessa forma, o sistema de captação precisa ser muito bem cuidado, pois falhas operacionais podem causar enormes prejuízos ao abastecimento - em alguns casos, até mesmo a falta de água por longos períodos.

A responsabilidade por essa captação fica a cargo das unidades barragem do canal Imunana (km 36) e Elevatória do Imunana, as quais o STIPDAENIT visitou na terça-feira 16 com o objetivo de avaliar as condições de trabalho e dialogar com os trabalhadores.  

Os diretores do STIPDAENIT Ronie dos Santos e Sérgio Freitas conversaram com Cláudio, funcionário lotado no Km 36, e com os auxiliares de saneamento Aloisio Gomes e Olavo José Moraes, o operador de máquinas Luis Carlos e o auxiliar de apoio Paulo Sérgio, alguns dos responsáveis pelo importante trabalho de manutenção da Elevatória do Imunana. As atividades são variadas, como pequenas obras para a passagem de veículos, conserto de máquinas e equipamentos,  conservação do local de trabalho e limpeza do sistema de captação. "Aqui, fazemos o possível para manter o bom andamento da unidade", afirma Aloisio, funcionário da CEDAE há 10 anos, sendo dois destes em Imunana, junto com Olavo. "Eu acho importante o sindicato estar mais próximo da categoria", afirmou Paulo Sérgio, que sugeriu ao STIPDAENIT fazer mais vezes esse tipo de visita em Imunana e nas outras unidades da CEDAE.

Os diretores também constataram deficiências na conservação da estrutura e segurança das unidades, como boosters enferrujados, falta de guarda-corpo em lugares elevados por onde os trabalhadores transitam e ausência de equipes de vigilantes para garantir a segurança dos trabalhadores.

O chefe de serviço responsável pela barragem do km 36, João Carlos Rangel, informou ao sindicato que já foram solicitadas melhorias na unidade como a compra de chapas metálicas e cabos de segurança para evitar quedas do trabalhador durante a limpeza das comportas.

Apesar das dificuldades, esses companheiros tem feito o possível para manter suas unidades em pleno funcionamento, com muita luta e dedicação ao trabalho. É esse espírito do cedaeano que tem mantido a companhia de pé. Nós, do STIPDAENIT, garantimos continuar cobrando a definitiva solução dos demais problemas do Km 36 e da Elevatória do Imunana e as demais deficiências em outras unidades da CEDAE, como já temos feito em Teresópolis e nas concessionárias privadas.

 

 

 

 

 

•  Veja outras notícias
 
 
Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Niterói
Rua São João, 392 - Centro - CEP 24020-040 - Niterói / RJ
Fone : (21) 2719-6240   /   E-mail: contato@stipdaenit.org.br