Bem-vindo ao STIPDAENIT   •   Fundado em 1985   •  
 
 
 
 

Artigos

A ÁGUA CAMINHA PARA SE TORNAR O BEM MAIS VALIOSO DO PLANETA

10/07/2014

“Os mercados sabem que, como o resto das matérias primas, a água do futuro será tão escassa que haverá de tratá-la como um metal precioso e se preparam para isso”. Quem fez essa afirmação foi Frederick Kaufman, pesquisador da City University of New York, que diz ser esse processo efeito da cada vez maior escassez mundial da água, com consequências desastrosas no futuro. 

Conscientes disso, grandes grupos empresariais do mundo todo já miram nas oportunidades de privatização da água. Aqui no Brasil, não é diferente. Se apenas 2 das 27 capitais tem operadores de saneamento privados (Manaus e Campo Grade), outras formas veladas de privatização, como abertura de capital e terceirização, já se tornaram comuns em empresas de saneamento públicas de todo o país. No Rio de Janeiro, por exemplo, a CEDAE já vendeu ações na bolsa e terceirizou serviços. Além disso, diversas cidades do estado tiveram seus serviços privatizados, como Niterói, Cabo Frio e Nova Friburgo.

Essa apropriação de um bem tão essencial para a vida coloca a população na mão de interesses comerciais, os quais objetivam sempre o lucro, obviamente. Pelo mesmo motivo, milhões de pessoas passam fome no mundo e vivem abaixo da linha da pobreza, enquanto que a quantidade de comida produzida é suficiente para alimentar, com sobras, toda a população humana da Terra. Mas, a distribuição de alimentos segue critérios comerciais, o que cria essa exclusão.

Portanto, nós temos que fazer nossa parte e, além de cobrar das empresas responsáveis – públicas ou não – a gestão responsável dos recursos hídricos, evitar o desperdício. O acesso à água é um direito universal e deve ser tratado como tal.

•  Veja outros artigos
 
 
Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Niterói
Rua São João, 392 - Centro - CEP 24020-040 - Niterói / RJ
Fone : (21) 2719-6240   /   E-mail: contato@stipdaenit.org.br